LEIA TAMBÉM

Tony Winston/Agência Brasília Meio Ambiente - lixo e reciclagem - resíduos sólidos dejetos limpeza urbana (cooperativa de catadores de lixo no DF faz triagem para separar lixo orgânico do reciclável) O tratamento dos resíduos produzidos no Brasil foi tema de seminário na semana passada

As frentes parlamentares da Economia Verde; Ambientalista e da Bioeconomia reúnem-se, virtualmente, nesta tarde para fazer um balanço dos 10 anos da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) e discutir as perspectivas para o futuro.

Na semana passada, especialistas ouvidos pela Frente Parlamentar Ambientalista disseram que, apesar do tempo transcorrido, a lei ainda não saiu do papel em vários aspectos. Vários gestores apontaram a logística reversa como o gargalo da política brasileira de resíduos, e engenheiros ambientais e agrônomos defenderam a adoção de uma política de longo prazo voltada para a chamada compostagem.

continua depois da publicidade

continue lendo

Por fim, experiências de sucesso, no Brasil e na Europa, compartilhadas com os deputados trouxeram esperanças sobre a efetiva implementação norma.

Convidados
Participam do debate virtual de hoje:
– o presidente da Frente Ambientalista, deputado Rodrigo Agostinho (PSB-SP);
– o coordenador da Frente da Bioeconomia, deputado Alexys Fonteyne (Novo-SP);
– o presidente da Frente Parlamentar da Economia Verde, deputado Arnaldo Jardim (Cidadania-SP);
– o presidente da Abralatas, Cátilo Cândido; e
– a doutora em direito ambiental Juliana Marcussi.

O encontro terá início às 16 horas e será transmitido pela página do deputado Arnaldo Jardim no YouTube.